Buscar
  • Casa Cuca Ferramentas Ensino

A IMPORTÂNCIA DA APRENDIZAGEM SOCIOEMOCIONAL

As discussões atuais sobre inovação em educação voltam-se para o estudo das competências para o século XXI. Formuladas e estudadas por grupos de todo o mundo, essas competências delineiam características de indivíduos bem sucedidos na Era da Informação. Elas traçam um perfil acadêmico, social e profissional, e afirmam que a educação moderna precisa dar conta das mesmas.


Segundo Tony Wagner (2008), as competências do século XXI podem ser descritas como: Pensamento Crítico e Resolução de Problemas, Colaboração e Liderança, Agilidade e Adaptabilidade, Iniciativa e Empreendedorismo, Comunicação Oral e Escrita Efetiva, Acesso e Análise de Informações, Curiosidade e Imaginação.


Uma competência orquestra um conjunto de esquemas, que envolvem percepção, pensamento, avaliação e ação, adaptação. Ao adquirir uma competência, um adquire a capacidade de mobilizar os mais variados recursos, de forma criativa e inovadora, no momento e do modo necessário. A competência abarca, portanto, um conjunto de conhecimentos interdisciplinares para ser completa.


As competências socioemocionais são aquelas, que junto das competências cognitivas, formam as ferramentas que o indivíduo tem para interagir com o mundo.


De acordo com o CASEL – Collaborative for Academic, Social and Emotional Learning, organização não governamental que reúne pesquisas e discussões sobre habilidades cognitivas e não cognitivas diz que as competências socioemocionais essenciais são Autoconhecimento, Autocontrole, Sociabilidade, Competências de Relacionamento e Tomada de Decisões com Responsabilidade.

Para a consolidação dessas competências, é necessário que um conjunto de habilidades, comportamentos e atitudes sejam desenvolvidos. A mesma habilidade pode contribuir para várias competências. Uma habilidade, como por exemplo, focar a atenção, é utilizada para todas as competências socioemocionais acima.

Aprendizagem socioemocional é portanto, o processo desenvolvido e escolhido para ensinar as habilidades necessárias para adquirir competências socioemocionais.

Atualmente existem alguns programas voltados para esse ensino no Brasil e no mundo. Iniciativas nacionais começam a levar esses programas para escolas particulares e escolas municipais e estaduais em projetos que visam melhorar as competências cognitivas e não cognitivas de nossos alunos e prepará-los para enfrentar plenamente o Século XXI.

O quadro abaixo descreve algumas dessas competências e exemplos de habilidades importantes para que elas sejam adquiridas.

Autoconhecimento é a capacidade de reconhecer seus sentimentos, interesses e pontos fortes, e manter um nível de eficiência pessoal. Saber reconhecer suas dificuldades e facilidades (Payton et al., 2000), e seu posicionamento em relação a isso influencia suas escolhas acadêmicas e quanto persistem em suas dificuldades (Zimmerman, 2000), e se irão ou não pedir ajuda a seus professores. (Ryan, Gheen, & Midgley, 1998). Exemplos de habilidades: Identificar e reconhecer emoções próprias e de outros, identificar o que causa cada uma das emoções, reconhecer dificuldades e facilidades próprias, etc.

Autocontrole permite a indivíduos lidar com situações de stress diários e controlar suas emoções em situações difíceis. Essa capacidade de regular suas emoções impacta sua memória e recursos cognitivos utilizados em tarefas acadêmicas (Gross, 2002). Autocontrole inclui as habilidades de reflexão e determinação de objetivos pessoais. Conhecer objetivos acadêmicos próprios tem influência na motivação e nas estratégias utilizadas em sala de aula (Clearly & Zimmerman, 2004). Exemplos de habilidades: Passar por obstáculos e criar estratégias para objetivos de longo prazo, Regular impulsos, agressividade, comportamentos autodestrutíveis, Gerenciar stress pessoal e interpessoal, Controlar atenção e ignorar distrações, Demostrar otimismo, motivação positiva, e esperança. Demonstrar resiliência, perseverança e determinação, etc.

Sociabilidade permite que indivíduos levem em consideração perspectivas alheias e sejam empáticos com outras pessoas. Alunos com habilidades sociais são mais propensos a apreciar diferenças e semelhanças nos outros. Sociabilidade é essencial para as novas formas de ensino-aprendizagem, assim como para acessar conteúdos diversos. Exemplos de habilidades: Identificar indicadores sociais (verbais, físicos) para determinar como outros estão se sentindo, Prever reações e emoções alheias, Respeitar os outros (escutar atentamente, focar atenção), Entender o ponto de vista e a perspectiva do outro, Apreciar diversidade (reconhecer semelhanças e diferenças individuais e de grupos), etc.

Competências de Relacionamento permitem que alunos desenvolvam e mantenham relacionamentos saudáveis com outros, incluindo as habilidades de resistir a pressões sociais negativas, resolver conflitos interpessoais, e buscar ajuda quando necessário. Exemplos de habilidades: Demonstrar capacidade de fazer amizades, Apresentar objetivos de aprendizagem cooperativa, Controlar e demonstrar emoções em relacionamentos, respeitando diferentes pontos de vista, Ajudar a quem precisa, Demonstrar habilidades de liderança quando necessário, sendo assertivo e persuasivo, Resistir a pressões para comportamentos inapropriados, etc.

Tomada de Decisões com Responsabilidade permitem que alunos pensem sempre em múltiplos fatores, tais como ética, valores, respeito e segurança, na tomada de decisões. Essa competência incluía a capacidade de resolução de problemas de maneira sistemática, de identificar e desenvolver soluções apropriadas para os mesmos, sejam problemas sociais ou acadêmicos (Payton et al., 2000). Exemplos de habilidades: Identificar decisões tomadas no ambiente escolar, Discutir estratégias para resistir a pressões de amigos, Refletir sobre como escolhas presentes influenciam o futuro, Identificar problemas na tomada de decisão e propor alternativas, Autorreflexão e auto-avaliação, Decisões responsáveis consideram efeitos no indivíduo, escola e comunidade, etc.

Quer saber mais? Escreva para cucaresponde@acasacuca.com Letícia Lyle

Fonte: CASEL http://www.casel.org/social-and-emotional-learning/core-competencies/

0 visualização
ABOUT

contato@acasacuca.com

(11) 3569-4028

Rua Purpurina, 155 cj 47

SOCIAL
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - White Circle

© 2023 by DATO. Proudly created with Wix.com