Processamento Auditivo

O que é Processamento Auditivo?

Processamento Auditivo é definido como “mecanismos e processos do sistema nervoso auditivo”(ASHA, 1995), os quais capacitam a decodificação e o entendimento da fala, especialmente em situações desfavoráveis, como na presença de ruído de fundo ou fala competitiva. Esta capacidade depende do bom funcionamento das áreas auditivas do córtex cerebral e das vias que conduzem o som até estas áreas.O Processamento Auditivo está relacionado a habilidades auditivas desenvolvidas desde o nascimento e que são responsáveis pelos seguintes fenômeno:

– Localização e Lateralização do som
– Discriminação e reconhecimento sonoro
– Memorização de seqüencias sonoras
O que pode causar o Deficit de Processamento Auditivo?

As principais causas são:

– Problemas durante a gestação e o nascimento
– Otites frequentes durante os primeiros anos de vida
– Falta de estimulaçãoo auditiva durante a primeira infância
– Hereditariedade

Sinais e sintomas:

Confira se você ou alguém que conheço apresenta um desses sinais e sintomas:

– Parece não ouvir bem?
– É muito distraída ou desatenta
– Demora para escutar quando chamam a sua atenção?
– Possui dificuldades para lembrar o que foi dito ou parecer ter problemas de memória?
– Tem dificuldades para entender o que está sendo falado quando está em ambientes ruidosos?
– Não consegue acompanhar uma conversa com muitas pessoas falando ao mesmo tempo?
– Tem dificuldade em entender piadas de duplo sentido?
– Tem dificuldade para localizar o som?
– Tem dificuldade em seguir instruções?
– Tem dificuldade em contar um fato ou uma história?
– Tem dificuldade em seguir uma seqüencia de tarefas?
– Consegue entender e interpretar informações abstratas?

Diagnóstico e Avaliação
A avaliação do Processamento Auditivo é realizado por um fonoaudiólogo e é feito em cabine acústica, com uso de fones auriculares e que por meio deles são aplicados testes gravados em CD e padronizados por faixa etária. Essa avaliação tem por objetivo medir as funções auditivas relacionadas a localização sonora, discriminação auditiva, reconhecimento de padrões auditivos ( intensidade, frequências e duração do som) e desempenho auditivo na presença de sons competitivos ou distorcidos.

Tratamento

O tratamento consiste em um programa de reabilitação fonoaudiológica através do treino e exercícios específicos para desenvolver as habilidades que estão prejudicadas , melhorando a percepçãoo da fala e aumentando sua competência comunicativa.
Com o devido acompanhamento e indicação de um profissional da fonoaudiologia, o Fast ForWord tem sido utilizado com muito sucesso como trabalho complementar ao tratamento de pacientes com PAC alterado.

Referências:

http://www.asha.org/

AMERICAN SPEECH-LANGUAGE-HEARING ASSOCIATION (ASHA). Central auditory processing: current status of research and implications of clinical practice. Rockville, 1995.